Orçamento Empresarial e suas variações

O planejamento é um fator crucial para o sucesso e continuidade de qualquer empresa no mercado. Como uma relevante etapa do planejamento, está o orçamento empresarial. Orçamento esse, que é o processo cujo a finalidade é indicar os recursos destinados às vendas, orçamento para o setor de produção ou fabricação, orçamento destinado a aquisição de insumos e matéria-prima, dentre outros aspectos que envolvem a operação e gestão de uma empresa.
 
Existem diversos tipos de orçamento que podem ser aplicadas na gestão estratégica das empresas. Veja as diferenças entre os diferentes tipos de orçamento:
 
Orçamento estático
É aquele orçamento elaborado inicialmente. Em hipótese alguma ele sofre alterações no que diz respeito ao direcionamento de recursos para os mais variados departamentos. Uma vez definido, ele será seguido a risca nas ações da empresa pelo menos até o próximo ano. Já que é período para a revisão de orçamento e possíveis correções nos rumos da empresa. Este tipo de orçamento é utilizado, principalmente, pois ele permite um maior tempo aos empresários para identificarem possíveis erros.
 
É indicado para resultados de uma só atividade. Isso, porque não aceita mudanças. A estabilidade desse tipo de orçamento ocorre para que ele possa prever e identificar desvios no planejamento e assim, conseguir tomar decisões de correção rápidas, assertivas e alternativas. Também, para definir gratificações e comissões dos gestores. É um orçamento, normalmente, aplicado nas funções administrativas em pequenas empresas, com gestão centralizadora.
 
Orçamento flexível
Ele funciona diretamente relacionado aos custos fixos e variáveis da empresa. Dessa forma, e se utilizando do controle de custo por produto, a empresa pode fazer o cálculo da capacidade, e assim, ter uma visão mais completa das diferentes atividades e diferentes estágios.
 
Diferente do orçamento estático, o orçamento flexível pode ser alterado no período que for escolhido. Ele é comumente utilizado para controle de despesas de fabricação ou operacionais, mas pode ser empregado em qualquer área.
 
Orçamento rolling ou contínuo
É o meio termo entre os tipos de orçamento estático e flexível. Isso significa que o orçamento contínuo é feito para o período de um ano, mas é revisado mensalmente, trimestralmente ou semestralmente. É realizado dessa forma para que se tenha noção de erros ou acertos cometidos. Dessa forma, é possível resolver os erros e incorporar os acertos a novas áreas. Podendo assim, ser aplicado o método da tentativa e erro.
 
Orçamento beyond budgeting
É o orçamento “além do orçamento”, como seria sua tradução literal, tem a intenção de fazer com que empresas de grande porte consigam entender melhor seu orçamento. A dificuldade existe pelo fato de empresas grandes possuírem filiais, assim, dificultando o controle completo do gestor. Isso gerou a necessidade de gerentes e administradores em cada filial. E, dessa forma, que eles realizem o controle diretamente.
 
Esse tipo de orçamento é feito para um período de 12 a 18 meses pelos gestores das filiais. Ele fornece um melhor controle do negócio, além de mais produtividade. É muito utilizado por bancos e fábricas.
 
Orçamento ajustado
Muito parecido com o orçamento contínuo, o orçamento ajustado mantém a ideia de serem feitos ajustes conforme o tempo. É utilizado quando um orçamento original necessita ajustes. Serve para identificar erros e corrigi-los.
Orçamento base zero (OBZ)
 
É utilizado normalmente por empresas de grande porte, mas isso não exclui a possibilidade de empresas pequenas o utilizarem. Ele mostra uma visão ampla das despesas da empresa e do orçamento mínimo necessário para que a empresa siga executando suas atividades.
 
Possui esse nome pelo fato de ter a necessidade de ser avaliado desde o início. Ou seja, é preciso um estudo completo de atividades da empresa para que possa ser avaliada a sua evolução. É levado em conta a opinião e análise de gestores e administradores para sua criação.
 
Controle matricial
O tipo de orçamento controle matricial é, de certa forma, parecido com o orçamento beyond budgeting. Sua diferença é que enquanto o orçamento beyond budgeting é realizado em diferentes filiais, o controle matricial é feito por diferentes setores e pacotes. Dessa forma, deve ser especificado quais serão os orçamentos para cada setor e pacote e o administrador de cada um.
 
Orçamento incremental
O orçamento incremental é feito a partir de uma base de dados gerada a partir de um busca em relação a períodos anteriores. Ou seja, é feita uma análise de informações da área requerida, e assim, é possível definir projeções para o futuro da empresa.
 
É um tipo de orçamento básico, mas rápido e fácil. Suas projeções podem auxiliar a empresa em diversos âmbitos, mas também podem não ser tão certeiras.
 
Orçamento baseado em atividades
O orçamento baseado em atividades, também conhecido como ABB, tem como função direcionar a empresa no caminho certo. Por isso, é desenvolvido um plano quantitativo e financeiro das atividades da empresa. Para que, dessa forma, seja possível entender quais áreas, produtos e serviços devem ser priorizados, e assim, planejar os outros valores relacionados, como materiais necessários para finalizar a produção.
 
Ele está diretamente relacionado a curva ABC da sua empresa. Visto que, se deve saber quais produtos se deve preferir e dar mais atenção.
 
Orçamento do planejamento estratégico
É um tipo de orçamento que deve trazer o norte para realização do orçamento anual. As estratégias definidas neste orçamento são os objetivos, a maleabilidade, as regras, o plano de contas, a precisão, o prazo e os períodos que ele traz. Nele, serão definidas metas para que cada setor defina e organize seus planejamentos para uma melhor organização.
 
Forecast
Na sua tradução literal, forecast significa previsão, dessa forma, o tipo de orçamento forecast determina como o período orçamentário irá terminar. Ou seja, ao analisar o DRE, fluxo de caixa e outros relatórios, é possível criar uma estimativa de como será o resto do período orçamentário.
 
Como visto, qualquer planejamento tem sua devida importância. Ele serve para ajudar em qualquer tipo de planejamento dentro da sua empresa. Além disso, através dele, é possível definir quais são os próximos passos do financeiro da sua empresa e assim, deixar sua equipe de funcionários a par de suas metas e objetivos.
 
Autor: Marcelo dos Santos Zaché

Mais publicações